21 de fevereiro de 2007

Fragilidade


... e como me sinto inevitavelmente desamparada perante a fragilidade da vida humana...

3 comentários:

di disse...

Nunca me tinha ocorrido a dimensão da fragilidade, até ler este simples mas profundo texto.

Parabéns pelo Blog

Cristina disse...

Amiga,
Como é verdadeiro o que tu escreves...

Pequeninos, fracos e limitados, ainda assim os seres humanos procuram comparar-se a Deus! Mais uma prova da sua fragilidade.

Compreender o que somos é o primeiro passo para sermos guiados pelo melhor caminho. É também a melhor forma de conseguirmos permanecer! (E às vezes só Deus sabe quão difícil é permanecer e prosseguir!)

Gostei muito deste texto.

Espero que - embora nos sintamos desamparados neste mundo sem respostas para tudo - possamos encontrar pelo caminho o nosso amparo: em forma de amor, amizade, de filhos, enfim, de pessoas...

Beijos grandes de saudades.

alealb disse...

gostei...
muito bem colocado!
beijos,
alê