28 de dezembro de 2007

2008

Mais um ano que passou por nós.
A angústia deixou marcados os seus passos;
O desafio pintou de cores novas os obstáculos;
A esperança tomou o poder e fez levitar certas dores.

Hoje, revejo as pontes que atravessei,
os rios que vi fluir,
as mãos que segurei,
as mãos que me seguraram,
os sorrisos que partilhei,
os orvalhos que vi nas manhãs que acordei,
as graças que dei por cada dia.

Os anos passam,
o tempo voa,
para que tenhamos a consciência da sua brevidade e aproveitemos.

Em cada segundo que passa,
agradeço pelas pessoas que povoam o meu mundo,
que partilham comigo os seus sonhos, os desencantos, a vida...
Por cada estrela,
por cada dia de sol,
por cada noite em que a chuva me embala,
por cada amigo que sempre está ao meu lado...
Vale a pena ver este tempo a passar!!!

E vale por cada pedacinho de partilha na blogosfera.
A todos os amigos que eu não conheço pessoalmente mas que comigo têm partilhado palavras, versos, expressões de sentimento, loucuras, parvoíces, e assuntos sérios que merecem a atenção de todos, um abraço e um obrigada por estarem aí.

O milagre que eu queria para 2008 era o milagre da paz, mas para isso, o mundo inteirinho teria de o querer também, e, infelizmente, há muito quem não o deseje.

Mas que cada dia de 2008 possa ser um milagre nas nossas vidas, um milagre de paz interior, de encanto, de sorrisos, de Amor.

Feliz 2008 para todos!!!!!

9 comentários:

Lisá disse...

Passei para te desejar um Feliz Ano Novo, com tudo de bom.
Beijinhos

Å®t Øf £övë disse...

Jacinta,
Venho desejar-te um 2008 com tudo de bom, e que realizes todos os teus desejos.
Bjs.

DE-PROPOSITO disse...

Olá.
FELIZ 2008 cheio de coisas boas, com muita felicidade.
Um beijinho.
Manuel

barb michelen disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

Olá amiga, um óptimo 2008.
Que consigas manter afastados de ti a tristeza, a dor, os falsos amigos e a amargura... embora por vezes não seja fácil!!! O destino por si já se encarrega de colocar na nossa vida obstáculos que cheguem, mas por vezes os que nos rodeiam encarregam-se de tranformar a nossa, até aqui pacata, vida num Inferno!!!
Infelizmente, para nós nem sempre é fácil nos livrarmos dos pseudo-amigos e eles são tantos...!
Um bem haja aos verdadeiros amigos que nos animam, que nos apoiam, que nos fazem rir, que nos protegem, que nos ouvem, que estão lá quando necessitamos... e para mim fazes parte deste lote, o dos verdadeiros amigos!!!
Vai dando notícias... manda e.mails, pois não tenho recebido nada ultimamente!!!
Beijos!
LA

Jacinta disse...

Nisso somos parecidas. No nome e no desejo de paz. Gostei do teu espaço.
Um abraço
Jacinta

Anónimo disse...

Um feliz ano novo.

Beijo grande com muita saudade.

Nilson Barcelli disse...

Os milagres somos nós que os temos que fazer...

Não conhecia o teu blogue, como é óbvio.
Mas gostei dele no pouco que ainda li (voltarei, quero ir lendo o teu livro quase ao mesmo tempo que tu, à medida que fores publicando).
Agradeço-te a visita (espero que voltes sempre, a minha rotina é um post por semana).

Beijinhos

Å®t Øf £övë disse...

Jacinta,
Desejo-te uma boa semana.
Bjs.